Published on outubro 11, 2023, 12:58 pm

O festival de música eletrônica Universo Paralello, em Israel, foi alvo de um ataque do grupo extremista Hamas. Um dos organizadores do evento, Osher Vaknin, já foi enterrado, mas seu irmão gêmeo Michael está desaparecido desde o ataque. A família espera por qualquer sinal de vida de Michael. O atentado resultou na morte de mais de 250 pessoas, incluindo dois brasileiros. O Universo Paralello começou no Brasil e foi criado por Juarez Petrillo, pai do DJ Alok. É uma tragédia lamentável que afetou a comunidade da música eletrônica e esperamos que Michael seja encontrado são e salvo.

O Universo Paralello, um festival de música eletrônica que ocorreu em Israel, foi alvo de um ataque pelo grupo extremista islâmico Hamas no último sábado (7/10). Os organizadores do evento são os irmãos gêmeos Osher e Michael Vaknin. Enquanto Osher já foi enterrado na terça-feira (10/10), Michael está desaparecido desde o ataque.

Segundo o jornal O Globo e a AFP, a família dos irmãos, que reside em Jerusalém, aguarda qualquer sinal de vida vindo de Michael. Uma foto postada por ele no Instagram mostra o local onde ocorreu o atentado perpetrado pelo Hamas, resultando na morte de mais de 250 pessoas, incluindo dois brasileiros: Bruna Valeanu e Ranani Glazer, ambos com 24 anos.

Ausa Meir, irmã dos gêmeos, disse: “Ele vai voltar para casa. E espero que não tenha sido sequestrado pelo Hamas, caso contrário sua perda nos matará”. Ela também contou que Osher morreu “protegendo seu amigo, seu irmão”.

O Universo Paralello começou no Brasil e foi criado por Juarez Swarup Petrillo, pai do famoso DJ Alok. Segundo informações do governo israelense até domingo (8/10), mais de 260 pessoas foram mortas durante o evento antes que fosse interrompido pelos bombardeios.

Juarez Petrillo é uma figura conhecida na indústria da música eletrônica. Ele criou o Universo Paralello em 2000 e a festa começou em Goiás. Atualmente, ela acontece em Pratigi Beach, em Ituberá, na Bahia. No caso do evento em Israel, foi um produtor local quem licenciou o uso do nome do festival.

Além de Brasil e Israel, o Universo Paralello já ocorreu na Índia, França, Argentina, Espanha, Portugal, Tailândia e México. Swarup também é pai do DJ Bhaskar.

É uma tragédia lamentável ver a violência afetar a comunidade da música eletrônica dessa maneira. Nossos pensamentos estão com as famílias das vítimas e esperamos que Michael seja encontrado são e salvo.

Original article posted by Fox News